quinta-feira, 26 de março de 2009

Shhhhhh...

Por que estão todos em silêncio?

Por as crianças pararam de sorrir?
Por que os bêbados pararam de cantar?
Por que detento parou de mentir?
Por que o Pierrot parou de chorar?
Por que o padre parou de repetir?
Por que o poeta parou de declamar?
Por que o fumante parou de tossir?
Por que o pai parou de brigar?
Por que o viajante parou de se despedir?
Por que o namorado parou de se declarar?
Por que o mendigo parou de pedir?
Por que a vitrola não quer mais tocar?

Por que minha voz não quer mais sair,
se é tarde demais para eu me calar?

Por favor, façam algum barulho!
Preciso sentir
o som entrar.
Outro som que não seja
eu a respirar.
Expirando e inspirando o vazio
do meu ócio nada criativo,
que a transformar está
minha cabeça cheia em
oficina do diabo.

4 comentários:

Lê Fantôme disse...

Seu?? O.o
Muito bom!

-> hunf, roubei uma imagem sua, se tiver problema, me avise. ;/

Lê Fantôme disse...

Hello Stranger... Tô vendo q vc é mais normal q eu... Hunf. Vc se 'intromete' muito bem.. hehehe. concordei com tudo o q vc disse, mas ao msm tempo, discordei. Acho os sentimentos e a vida muito estranhos. Hum... Eu não vivo apenas por mim. Eu quero sair 'daqui' uma pessoa melhor do que a q chegou, mas indo ou vindo, eu sempre estarei comigo, mas talvez nessas idas e vindas, eu deixe muitos para trás. (digressões.)
Volto mais tarde. (com idéias mais 'concretas')

Dreamer disse...

Hum.. essa é uma casa de letras que merecia mais atualizaçoes.
gostei daqui.
beijoca

Anónimo disse...

Pra falar a verdade eu quero saber o nome e cor da tintura que vc usa no cabelo!!!!